Pragas do Verão: Formigas

Pragas do Verão: Formigas

Nas últimas semanas, o Blog da Insetan trouxe postagens sobre as principais pragas que nos atormentam durante os meses do verão. São insetos, aracnídeos, roedores e outros animais que insistem em estar mais próximos de nós.

A estação mais quente e úmida do ano está prestes a acabar. Mesmo assim, continuaremos a tratar aqui destes insetos intrometidos, pois mesmo reduzindo sua incidência, eles nunca deixam de nos incomodar.

Segundo o biólogo Marcos R. Potenza, com a chegada do verão, continua o ciclo de desenvolvimento e reprodução dos insetos. A estação do ano trás calor, maior umidade do ar, aumento da vegetação, ou seja: condições ideais para reprodução. Assim sendo, aumentam os problemas com cupins, baratas e formigas que são o assunto do post de hoje.

As formigas habitam o planeta terra há mais de 100 milhões de anos. Apesar de pequenas e da aparente simplicidade, elas têm uma complexa organização social com um sofisticado sistema de divisão de tarefas.

Veja algumas curiosidades sobre o mundo destes insetos:

  1. Existem mais de 10.000 espécies de formigas no mundo, distribuídas por todas as regiões do planeta com exceção dos pólos. O Brasil é um dos países com maior número de espécies de formiga: 2.000.
  2. Cientistas calculam em 10.000.000.000.000.000 o número de formigas na Terra.
  3. Os ancestrais das formigas surgiram há mais de 100 milhões de anos, no período Cretáceo.
  4. Tal como a sociedade das abelhas, a das formigas é organizada por tarefas: a de obreira, de soldado, de operário e de rainha.
  5. Uma operária vive sete anos e uma rainha, em média, 14 anos.
  6. A reprodução fica a cargo da rainha, que vive dentro do formigueiro e é maior do que as demais formigas. Os machos morrem após se acasalarem com a rainha.
  7. As operárias são todas fêmeas e tem os cuidados com a rainha entre as suas tarefas.
  8. A maior formiga do mundo é a africana, com 5 cm. Entre as espécies pré-históricas, existiu uma com 6,5 cm.
  9. Uma espécie de formiga bastante conhecida dos brasileiros é a saúva. Elas cortam pedaços de folhas e levam-nas para o formigueiro, onde usam como substrato para o cultivo de um determinado tipo de fungo que lhes servem de alimento.
  10. A içá (também conhecida como tanajura) é bastante consumida no interior de São Paulo e de outros estados, normalmente torradas e servidas com farinha de mandioca.
  11. Graças ao seu tamanho e à estrutura do seu corpo, uma formiga pode cair de qualquer altura sem se machucar.
  12. Formigas são capazes de escravizar as formigas de outros formigueiros. Elas roubam as larvas do formigueiro e forçam os filhotes a fazerem trabalhos forçados.
  13. Os formigueiros de algumas espécies podem ter túneis de até 12 m de profundidade.

__________

Separamos mais alguns posts sobre este assunto. Veja:

 

 

__________

Deixe seu comentário

8 + 2 =