Assim caminha um inseto


insetos_artistas

A inspiração foi humana, mas a arte fica por conta das pragas: quadros pintados por patas de insetos. A ideia surgiu em 1980, quando o diretor americano de filmes Steven Spielberg pediu a ajuda do entomologista Steven Kutcher (foto abaixo) para filmar uma cena em que uma mosca anda sobre a tinta e deixa um rastro de pegadas. Esse foi o pontapé inicial para Kutcher deixar fluir seu lado artístico e se interessar pelos quadros “pintados” por insetos. A atividade esporádica virou um trabalho levado a sério, que você pode conferir no site do entomologista.

steven_kutcher

Com informações e imagens do site Discovery Brasil.
 

Artista usa asas de borboletas em suas pinturas

asas_borboletas_Chavez

É difícil ver alguém que não se encanta ao avistar uma borboleta. A admiração por esse inseto levou um artista russo a eternizar sua beleza em obras de arte inusitadas e criativas. O ex-policial aposentado Vadim Zaritsky resolveu se dedicar à arte usando as asas de borboletas que encontrava em sua cidade, Lipetsk, ou doadas por colecionadores. Zaritsky usa o material nos quadros que pinta (fotos), dando às obras de arte um novo e belo olhar.

asas_borboletas_jarro

Apesar da beleza e originalidade, o trabalho do russo não está livre das críticas. Algumas pessoas acreditam que os insetos são mortos com a finalidade de utilização das asas nas obras de arte. Vadim Zaritsky ressalta que seu trabalho é uma forma de eternizar a beleza das borboletas, que naturalmente vivem apenas por algumas semanas. “Minhas imagens dão as pessoas uma chance de admirá-las por muitos anos”, afirma Zaritsky. Veja aqui outras fotos dos quadros do artista russo.
Com informações do site Hypeness.