“DOR E ALUCINAÇÃO”, diz canadense picado por escorpião

“DOR E ALUCINAÇÃO”, diz canadense picado por escorpião

Aeronave teve de retornar a Bogotá para que ele recebesse antídoto. ‘Tenho sorte de estar vivo’, disse em post em rede social.

O site da rede pública canadense CBC noticiou que um turista foi picado por um escorpião em um voo de Bogotá para a Cidade do México.

Era noite quando os canadenses Adam Young e Brendan Dawson resolveram tirar um cochilo durante o trajeto entre as capitais colombiana e mexicana.

De repente, Young pulou do assento porque sentiu que um bicho tinha entrado em sua camiseta. Ele tentou tirá-lo, mas era tarde demais: “Já tinha feito seu trabalho, me picando três vezes”, descreveu num post de Facebook reproduzido pela CBC.

O escorpião caiu da camiseta em seguida e sumiu debaixo de um assento. Os comissários iniciaram uma busca e conseguiram matar o bicho. “Neste momento, o veneno estava entrando nas minhas veias e a dor era terrível”, relatou Young.

O avião retornou para Bogotá, segundo o canadense. “O voo de volta foram os 20 minutos mais longos da minha vida. Dor, náusea, alucinação e o pensamento de que iria morrer o transformaram num inferno”.

Na capital colombiana havia uma ambulância na pista e o canadense recebeu soro para neutralizar o veneno do escorpião. A equipe de comissários, enquanto isso, revistou a aeronave para garantir que não houvesse outros animais peçonhentos a bordo e o voo para o México pudesse recomeçar. Depois de duas horas, já estavam a caminho novamente.

Young disse que um homem no avião afirmou conhecer escorpiões e que a espécie que o picou é muito venenosa. “É uma loucura porque passei 3 dias na selva amazônica com apenas algumas picadas de mosquitos, e depois peguei um avião e fui atacado por um escorpião. (…) Ainda sinto os efeitos, mas estou vivo… tenho sorte de estar vivo”, afirmou Young. O caso ocorreu na sexta-feira (27).

 

Com informações de G1

 

Deixe seu comentário

83 - = 75