Carne feita de insetos? Durante dois dias discute-se em Lisboa a sustentabilidade alimentar

Carne feita de insetos? Durante dois dias discute-se em Lisboa a sustentabilidade alimentar

Como é que o mundo vai alimentar 9 mil milhões de bocas em 2050, tendo em conta o desperdício atual de comida, a distribuição desequilibrada mundial e, sobretudo, o impacto que a produção tem na segurança alimentar?

Tendo como base esta pergunta, juntam-se entre hoje e amanhã, 13 e 14 de fevereiro, na Thought for Food Global Summit em Lisboa, dezenas de especialistas, investigadores, empreendedores e estudantes da área preocupados com a sustentabilidade alimentar.

“Estamos aqui para colocar as perguntas certas”, começa por dizer Christine Gould, cofundadora da rede Thought for Food. Nicholas Haan, daSingularity University, esclarece: “É preciso pensarmos profundamente nos desafios da sociedade atual porque vivemos em dois mundos paralelos. Falar sobre segurança alimentar vai muito além daquilo que colocamos na boca. Tem sempre também a ver com o que o planeta pode produzir de forma sustentável”, explicava, na sessão de abertura da conferência, esta manhã. [Veja aqui as fotografias e acompanhe o evento ao minuto]

Criada em 2011 como plataforma de encontro e troca de ideias e conhecimento entre investigadores e estudantes, a Thought for Food foi crescendo à escala mundial e é, hoje, uma rede global de pessoas preocupadas com a maneira como as novas gerações vão encontrar o mundo e viver nele. Além de palestras em conferências, os eventos contam com uma apresentação em estilo pitch de dez projetos finalistas (escolhidos entre 336 equipas de 51 países diferentes) – o TFF Challenge – desenvolvidos por estudantes universitários que tenham em conta os fundamentos da organização e a sustentabilidade alimentar. O vencedor recebe 10 mil dólares e os restantes, 500 dólares para desenvolverem os respetivos protótipos.

Fonte: Dinheiro Vivo 

Deixe seu comentário

+ 86 = 88