Mosquito transgênico no combate à proliferação do Aedes aegypti

Mosquito transgênico no combate à proliferação do Aedes aegypti

mosquito_da_dengue_transgenico Mosquito transgênico no combate à proliferação do Aedes aegypti Notícias

Pesquisadores brasileiros testam estudos para combater a proliferação do mosquito da dengue. Para isso, criaram um “inseto transgênico”, capaz de copular com as fêmeas e gerar filhotes que nunca chegarão à vida adulta. A pesquisa está em andamento em Juazeiro, na Bahia.

Desde o início de maio, mosquitos machos foram colocados em 12 pontos da cidade para cruzar com as fêmeas. A iniciativa tem como objetivo reduzir a população de Aedes aegypti utilizando um mosquito transgênico. Este possui um gene que é passado para toda prole da fêmea, que morre antes de chegar à vida adulta.

A ação ainda está em estudos, mas os pesquisadores já capturaram um ovo que foi contaminado com o gene do macho modificado, o que mostra que conseguiu copular com fêmeas na natureza.

A conclusão está prevista para abril de 2012. Enquanto não é comprovada a eficácia da pesquisa, a prevenção ainda é a melhor solução. Medidas simples como tampar depósitos de água, limpar recipientes, como vasos e baldes, e evitar o acúmulo de lixo são essenciais para evitar a dengue.

Deixe seu comentário

91 - 89 =