A importância da desinsetização para prédios e condomínios

A importância da desinsetização para prédios e condomínios

Várias pragas urbanas (a exemplo das baratas, formigas, aranhas e ratos) se escondem em pontos estratégicos de condomínios e prédios. E pelo tamanho da estrutura de concreto, dá para imaginar o tempo que se gastaria até que você encontre, por acaso, um dos vários esconderijos dessas pragas urbanas. Até lá, elas podem ser dezenas ou centenas de pequenos seres prontos para trazer diversos problemas para sua casa.


Evitando o problema

A melhor forma de combatê-los é, sem dúvida, a prevenção. E, nestes casos, o recomendado por especialistas é a desinsetização a cada 6 meses em áreas de convívio comum do prédio ou condomínio, como salões de festas, churrasqueiras, garagens e corredores.

Os cuidados necessários durante a desinsetização

Enquanto os técnicos estiverem aplicando a desinsetização, é importante que você e seus animais de estimação se mantenham distante da área, pois o contato com o veneno pode trazer problemas a saúde. É justamente por isso que os especialistas em desinsetização usam roupas e acessórios para realizarem esse tipo de trabalho.

Contrate a melhor empresa

Se você é o responsável pela contratação de uma empresa especializada em desinsetização, lembre-se de informar aos moradores o dia e horário em que eles deverão evitar as áreas que serão desinsetizadas. Porém, se você contratar uma empresa responsável, registrada, experiente e com forte presença no mercado, você será informado sobre todos os procedimentos adequados para a segurança dos moradores, além de um trabalho rápido e eficiente.

4 comments:

  1. De Paula

    Qual a lei, portaria, decreto ou outro dispositivo legal que obriga a dedetização em prédio residencial ?

    Reply
    1. insetan

      De Paula,

      Não temos conhecimento de Legislação específica de Condomínios que obrigue a realização de Controle de pragas na área. Na RDC n.º 52 do MS fala-se sobre a periodicidade adequada de controle mas esta é uma Legislação do segmento de Controle de Pragas e não de Condomínios.

      Uma questão importante e que deve ser observada é que o auto-serviço é proibido por Lei e que além desta proibição deve ser observada questão de ssegurança de quem faz e dos moradores no que se refere a manipulação e aplicação inadequadas.

      Além disso, tratamentos periódicos e PREVENTIVOS são sempre mais eficazes que aqueles realizado em caráter corretivo e resguardam a a saúde de todos aqueles que vivem e/ou trabalham na área.

      Att,

      Viviane Alves de Avelar
      Bióloga / Responsável Técnica
      CRBio16.441/4-D
      Tel.: (31)3423-2500 / (31)9361-8427

      Reply
  2. Caroline

    Como funciona com apartamentos que tem animais de estimação? Por quanto tempo eles devem ficar afastados após a desinsetização?

    Reply

Deixe um comentário

46 + = 55