Caverna dos Vagalumes, na Nova Zelândia, parece desenho animado

Caverna dos Vagalumes, na Nova Zelândia, parece desenho animado

Conhecida por ser o destino dos aventureiros, dos admiradores da natureza e de praias paradisíacas, a Nova Zelândia, geograficamente isolada, é um país que oferece atrações naturais únicas. As Cavernas de Waitomo, situadas na região sul de Waikato, são o lar de insetos que brilham no escuro e ajudam a iluminar a travessia dos mais aventureiros pelo interior das grutas.

O nome da região vem das palavras Maori wai, que significa “água” e tomo, que quer dizer “buraco”. O surgimento das cavernas se deu há cerca de 30 milhões de anos, quando o lugar ainda se encontrava abaixo do nível do mar. Anos depois, no final da década de 1980, alguns aventureiros com sede de exploração começaram a descobrir o potencial do local, inclusive em relação ao turismo.

Atualmente, muitos turistas que chegam até a Nova Zelândia estão à procura do passeio que leva a Waitomo Glwworm Caves – popularmente conhecidas como as “Cavernas dos Vagalumes”. Com duração de cerca de uma hora, o tour é feito, em grande parte, a pé e por um pequeno trecho de barco.

O nome do local faz referência a esses bichinhos devido ao fato de as paredes e tetos das grutas serem cobertos de glowworms (pequenos insetos com o tamanho médio de um mosquito). As lavas e, sobretudo, as fêmeas, emitem luz através do processo de bioluminescência, bem parecido ao que os vagalumes fazem.

107582-muitos-turistas-que-chegam-ate-a-nova-ze-660x0-1-1-300x182 Caverna dos Vagalumes, na Nova Zelândia, parece desenho animado Curiosidades

Apesar de para os humanos a luz ser um fenômeno admirável e até turístico, para os insetos elas têm um propósito bastante importante – atrair outros insetos, como moscas e mosquitos, que irão servir de alimento. Sendo assim, a comida fica presa em uma espécie de teia, que pode chegar a 40 centímetros de comprimento.

Mas, todo mundo sabe que a Nova Zelândia é o lugar certo para a prática de esportes de aventura. Então, se você quiser conciliar o fato de admirar essa espécie única de inseto que só existe na Nova Zelândia com a oportunidade de sentir uma descarga de adrenalina, pode aproveitar para fazer um rafting dentro das cavernas. Que tal?

 

107592-o-tour-e-feito-a-pe-e-por-um-pequeno-tre-660x0-1-219x300 Caverna dos Vagalumes, na Nova Zelândia, parece desenho animado Curiosidades

 

 

Deixe seu comentário

- 1 = 1